Notícias

30/08/2017 - Atuando na Educação e na Prevenção, o IPH segue alinhado às demandas da sociedade

Sempre atenta aos problemas sociais, há 20 anos, a entidade apostou em um modelo de atendimento que contemplasse crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade e risco social. Assim nasceu o Programa de Prevenção e Educação do Instituto Padre Haroldo, cuja proposta é educar para uma vida saudável.
Com uma média de 600 beneficiados por ano, o programa funciona nos núcleos AprenderMais e Circolando.
A gestora do Programa, Maria Lúcia da Costa, ressalta que o Núcleo AprenderMais conta com mais de 200 crianças e adolescentes que frequentam as atividades no contra turno escolar. As crianças participam de oficinas de teatro, dança, circo, música, mídias audiovisuais, informática e esporte.
“As atividades são desenvolvidas a fim de valorizar potencialidades dos atendidos no programa, além de identificar suas habilidades e reforçar a convivência familiar e comunitária”, apontou a gestora.
Maria Lúcia ressalta ainda que a prevenção implica num esforço para conseguir uma vida plena com liberdade, dignidade e oportunidade. “Não é apenas uma reação contra as drogas, é uma reação em prol da vida. A prevenção visa formar uma cultura que impulsione e apoie a juventude para viver de forma saudável, segura e positiva”, avaliou Maria Lúcia.
A gestora alerta ainda para a importância de abordar sobre prevenção às drogas com crianças e adolescentes sem aguçar a curiosidade e o desejo em experimentar as drogas. “É um grande desafio. Procurar não despertar o interesse das crianças e dos jovens consiste em não se estender demais nos efeitos positivos ou negativos das drogas e nas formas de serem consumidas. É importante procurar informar sobre isso, mas este não deve ser o foco constante da prevenção”, concluiu.
Continuidade
“No meio de tudo isto é muito importante frisar que, para que este trabalho continue e possa ajudar ainda mais crianças, nós precisamos muito da ajuda da sociedade. Fiquei muito feliz com o prêmio que recebemos, com o reconhecimento da Revista Época e do Instituto Doar, pois sei que mais pessoas poderão conhecer melhor nossas atividades e passar a contribuir, como doadores ou voluntários”, comemorou.

 

Circolando: Prevenção itinerante na periferia de Campinas

No núcleo itinerante do Programa de Prevenção, o Circolando atende nos bairros Vida Nova e Campo Belo, na periferia de Campinas.
Com formato e metodologia inovadores, o projeto é apoiado por um trailer que atende, em praças públicas, crianças, adolescentes e suas famílias a fim de ampliar as capacidades pessoais e comunitárias, o fortalecimento dos vínculos saudáveis e o acesso à rede de serviços públicos de Educação, Assistência Social e Saúde.